• Post author:
  • Post category:Dicas

Saiba como você deve cuidar do pet

O peixinho-dourado é um dos tipos de peixes mais conhecidos pelas pessoas. Por esse motivo, é um dos mais procurados para compor um aquário ornamental.

No entanto, esse peixinho precisa de alguns cuidados para que sua vida seja prolongada, mesmo ele sendo resistente e capaz de se adaptar bem a diversas situações.

Neste artigo, você vai conferir um guia de cuidados com o peixinho-dourado, com informações sobre o aquário, a alimentação e outros detalhes importantes. Acompanhe a leitura!

O que é o peixinho-dourado?

peixinho-dourado

Antes de tudo, é importante que você conheça essa espécie mais a fundo. O peixinho-dourado, também conhecido como “Kinguio”, geralmente é relacionado ao Japão. Porém, ele surgiu na China há aproximadamente 2 mil anos.

Segundo os especialistas, a espécie é resultado de uma mutação originada a partir da carpa, que é um peixe bastante conhecido pela sua beleza.

Embora o peixinho-dourado seja o peixe mais encontrado em aquários, não é tão simples criá-lo. São necessários cuidados com o aquário, com a alimentação e também com o convívio com outras espécies.

A espécie é bastante resistente para aquarismo, especialmente quando comparada a outras. Essa resistência está associada principalmente ao fato de ele suportar uma temperatura e um pH bem variados, diferentemente de outros peixes.

Por esse motivo, nem sempre é aconselhável manter o peixinho-dourado em um aquário com outras espécies.

Tamanho e cores

Existem várias espécies pequenas que podem ser facilmente confundidas com o peixinho-dourado, porém o original pode chegar a ter até 40 centímetros de comprimento. O tamanho mínimo de um Kinguio é de 10 centímetros.

Já as cores podem variar entre um creme e um laranja, porém ambas contam com uma espécie de película cintilante, que proporciona à espécie a característica dourada.

O peixinho-dourado criado em viveiros tem seu crescimento e suas cores alteradas com base no pH e na temperatura da água, no tamanho do aquário e em sua alimentação.

Por esse motivo, se você quer ter um peixinho saudável, bonito e com o tamanho ideal, é necessário cuidar dele da maneira adequada.

Qual é a estimativa de vida do peixinho-dourado?

guia peixinho dourado

Por incrível que pareça, um peixinho-dourado de aquário pode viver até os 25 anos de idade. Isso significa que, se ele for cuidado da maneira certa, pode ser o companheiro de uma vida.

Por outro lado, quando não recebem os cuidados adequados, muitos sequer chegam a completar um mês de vida.

Cuidados essenciais com o peixinho-dourado

Pela comercialização da espécie ser barata e dita como de fácil cuidado, muitas pessoas iniciantes no aquarismo tendem a criá-lo erroneamente. Não é difícil ver um peixinho em pequenos aquários sem filtragem, por exemplo.

peixinho dourado cuidados

Antes de mais nada, vale ressaltar que, quanto menor for o aquário, mais rapidamente ele ficará sujo, o que gera uma substância chamada amônia, prejudicial para a saúde do peixe.

Sendo assim, se você quer que o seu Kinguio viva bastante, os cuidados essenciais são:

  • ter um aquário de tamanho adequado;
  • ter um sistema de filtragem eficiente;
  • manter o pH da água entre 6,5 e 8;
  • manter a temperatura da água entre 10º e 25º.

A temperatura da água tende a ser o ponto mais difícil de controlar, devido à grande variação que pode sofrer.

Alimentação do peixinho-dourado

Por fim, a alimentação do seu peixinho-dourado deve ser feita por meio de uma dieta para animais onívoros. Na ausência de pequenos animais, procure uma ração específica para essa espécie em lojas especializadas em aquarismo.

Vale ressaltar que é fundamental que você dê apenas a quantidade de ração suficiente para cada refeição do seu peixinho, pois os alimentos que sobrarem podem gerar mais resíduos, se transformando em substâncias prejudiciais ao animal.